PROCESSO SELETIVO

Tubos de ensaio, misturas químicas, estudos de efeitos dos medicamentos, pesquisas sobre uso de plantas medicinais são algumas das atividades do farmacêutico. O profissional também realiza exames clínicos, prepara cosméticos e é responsável pela gestão de serviços farmacêuticos.

Para conseguir exercer a profissão, além do diploma de bacharelado, é necessário também registro no Conselho Regional de Farmácia (CRF). O mercado tem se mostrado promissor para essa área da saúde. De acordo com dados do Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea), 94,3% dos farmacêuticos do país estão empregados.

Essa é uma das poucas carreiras na saúde que está em crescimento, sendo até considerada uma das profissões com uma das melhores condições de empregabilidade nesses últimos anos na área da saúde.

Das mais de 80 áreas que o profissional pode atuar, as de maior expressão são: farmácias comunitárias (farmácias de rede e privada); vigilância sanitária; assistência farmacêutica; distribuidoras de medicamento; indústrias farmacêuticas e de cosméticos.

O profissional também pode atuar em farmácias de manipulação, farmácia hospitalar, na área da gestão, e da farmácia clínica; além de análises clínicas; alimentos, em especial a de controle de qualidade. No Nordeste, têm surgido boas experiências na área de cosméticos.

As áreas afins e complementares como a da saúde coletiva, a fitoterapia, acupuntura, a parte dos florais de Bach, entre outras áreas terapêuticas também fazem parte do escopo de atuação do farmacêutico, permitindo a ele uma diversidade de possibilidade de atuação.

Tendência

Existem três grandes tendências nessa área: a genética, trazendo muitos elementos da farmacogenômica a partir de medicamentos elaborados ou adaptados às necessidades individuais; o resgate da farmácia enquanto espaço de estabelecimento farmacêutico e que abre, portanto, mais oportunidades; e o crescimento da área da farmácia hospitalar com o componente da farmácia clínica.

Utilizando-se de novas diretrizes curriculares, o curso de Farmácia da FTC tem como objetivo formar um profissional apto a atuar no ciclo completo da assistência farmacêutica.

Isso permite ao aluno incorporar várias áreas de atuação da carreira farmacêutica, aliada a uma formação crítica e reflexiva que permita a ele excelência técnica e entendimento do seu papel social.

Para ampliar o aprendizado, o curso promove atividades como simpósios, palestras, mesas-redondas entre outros. A FTC também firma parceria com os maiores laboratórios e farmácias da cidade, hospitais, secretaria de saúde, possibilitando ao aluno contato mais próximo do mercado de trabalho através de estágios.

O ensino prático no curso de Farmácia da FTC é dividido entre atividades em comunidades, estágios tutoriais por área de atuação e estágios supervisionados em serviços de saúde. Para isso, o aluno é preparado em laboratórios próprios, modernos e bem estruturados que oferecem as condições necessárias para o desenvolvimento das atividades.

Profª. Aline Matos

  • Aluna de doutorado em Medicina e Saúde pela Universidade Federal da Bahia (UFBA)
  • Mestrado em Medicina e Saúde pela Universidade Federal da Bahia (UFBA)
  • Graduação em Bioquímica pela Universidade Federal da Bahia (UFBA)
  • Graduação em Farmácia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA)

FORMAS DE INGRESSO

Vestibular Tradicional

Vestibular Agendado

Nota do ENEM

Transferência Externa

DESTAQUES DA UNIDADE

salvador_destaques

Estacionamento

Com uma ampla área, o estacionamento da FTC Jequié dispõe de uma excelente infraestrutura para importantes eventos.

Biblioteca

A Biblioteca da FTC Jequié possui um acervo com mais de 1,3 mil títulos e 8,7 mil exemplares. Possui também a assinatura de quinze periódicos distintos, com 109 títulos e 754 exemplares.

Laboratórios

Os laboratórios da FTC Jequié são estruturados e equipados, multidisciplinares e específicos onde ocorrem aulas práticas dos componentes curriculares

DESTAQUES ACADÊMICOS

Você está aqui: